gtag('set', {'user_id': 'USER_ID'}); // Defina o ID de usuário usando o user_id conectado. A importância de esterilizar o material

A importância de esterilizar o material


A esterilização do material para fazer unhas é essencial para evitar infecções e doenças. Que mulher não gosta de manter as unhas bonitas e saudáveis?


Com tantos salões de beleza no mercado, o que chama a atenção da cliente na hora de escolher o local para fazer as unhas é a higiene do ambiente e do profissional.


Como a manicure lida com regiões sensíveis e utensílios cortantes, como alicates e tesouras, todo cuidado é pouco: a falta de esterilização de materiais pode acarretar desde micoses à hepatite e AIDS.


POR QUE REALIZAR A ESTERILIZAÇÃO?

Os instrumentos utilizados por manicures requerem esterilização devido ao risco que oferecem às clientes – e profissionais – de transmitirem doenças por meio de perfuração ou corte, no caso de acidentes, já que muitas mulheres não têm o hábito de levar seus próprios instrumentos aos salões.


QUAIS MATERIAIS DEVEM SER ESTERILIZADOS?

Os materiais que devem ser esterilizados são os perfurocortantes, tais como: alicates de cutícula, alicates de unha, espátulas, palitos (se forem de aço inoxidável) e tesouras. Já a lixa, segundo a Vigilância Sanitária, deve ser descartada a cada uso. A reutilização coloca em risco a saúde da cliente tendo em vista que micro-organismos podem se acumular na mesma, provocando o surgimento de fungos e infecções.


COMO ESTERILIZAR AS FERRAMENTAS?

A esterilização é o procedimento realizado através de vapor e alta pressão sendo capaz de destruir qualquer forma microbiana – vírus, bactérias, fungos e etc – de materiais. Atualmente, por determinação da Vigilância Sanitária, o procedimento só pode ser realizado em autoclaves. Não há como ser realizado de forma caseira, é necessário um lugar preparado somente para isso com todo material utilizado no processo.


EVITE O USO DE ESTUFAS

A esterilização de materiais por meio da estufa é menos eficaz e segura do que a realizada com autoclave e, por isso, deve ser evitada. Isso acontece, pois como há uma trava na autoclave, não é possível abrir a porta do equipamento antes do término do ciclo de esterilização, o que pode ocorrer na estufa, provocando apenas o “aquecimento” das ferramentas. Mesmo assim, é imprescindível que a autoclave esteja em boas condições de uso e com a manutenção preventiva em dia.


#clickdicas #clicknailsapp #unhasperfeitas #6dicaspara Fonte

© 2018 por Walter Filho. Criado orgulhosamente para ClickNails ©

siga-nos

CNPJ 28.468.904/0001-65
(62) 9 8207 - 2045